quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

(Hoje andei de) LAÇO NA LAPELA...


Em «DIA MUNDIAL DE LUTA CONTRA O CANCRO» 
a Maria Araújo do blogue CANTINHO DA CASA 
perguntou qual foi hoje a nossa acção para assinalar 
este dia de campanha de sensibilização.

A minha resposta é esta:



19 comentários:

  1. Uma amiga portuguesa morreu com 26 anos com essa doença.
    Uma alemã, minha amiga e colega na Universidade, também morreu muito nova. Uma amiga virtual, que nunca esqueci, também morreu com um cancro.

    Ultimamente tenho perdido familiares e amigos com essa doençã terrível.

    Uma familiar portuguesa continua a lutar, mas eu penso que é em vão.

    E no «DIA MUNDIAL DE LUTA CONTRA O CANCRO» escrevi no "ematejoca azul" sobre o Carnaval Alemão, porque qualquer acção para assinalar esta data, não impede a morte de ninguém.

    Desculpa, querida AFRODITE, esta falta de sensibilização.

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Teresa,

      Não tens de pedir desculpa!
      Mas defendo que há temas que se deve falar para nos acordar de qualquer uma espécie de letargia em que possamos cair, por mais proactivos que possamos ser.

      Com este post pretendo apenas dar o meu testemunho: todos os anos faço rastreio ao útero e mama por altura do meu aniversário.
      (a consulta já está marcada...)

      Se com este tipo de "wake up calls" pudermos levar alguém a agir e a detectar um cancro em fase inicial... sim, estaremos a salvar uma vida!


      Beijinhos querida amiga de longe!
      (^^)

      Eliminar
    2. Tenho sempre um LAÇO NA LAPELA, porque não sou indiferente ao tema, antes pelo contrário.

      Também eu faço todos os anos faço rastreio ao útero e mama, mas uma cunhada minha também fazia, e morreu com um cancro num pulmão.

      Eu penso que é importante detectar o cancro em fase inicial, mas há cancros que são fatais.

      Este tema só me faz chorar ao pensar nos ente-queridos que perderam a luta contra o cancro e os que estão a perder como a sogra da minha filha mais velha.

      Beijinhos de amizade, minha querida AFRODITE.

      Eliminar

    3. É verdade sim, muitos deles são fatais... que o diga o meu pai que durou 6 meses após o diagnóstico da doença.

      Mas vamos alegrar-nos amiga!!...
      Helau!
      (^^)

      Eliminar
  2. Só fiquei a saber há pouco que dia foi hoje, por isso não tive nenhuma acção...
    O laço na fotografia é muito bonito. Eu normalmente não faço muito, tento apenas dar algum donativo nas campanhas.
    um beijinho e boa noite

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Gábi,

      Já fazes alguma coisa pois não és indiferente... isso é que nunca!!


      Boa noite também para ti minha linda... vou dormir!
      (já estou mais pra lá do que para cá!)
      (^^)

      Eliminar
  3. Deixo um beijo. O cancro levou-me amigas a quem já não posso beijar...

    ResponderEliminar
  4. Um mal terrível que levou amigos, que afectou a minha mãe.
    E que parece não ter cura e fim à vista.
    Bjs, bfds

    ResponderEliminar
  5. É uma doença terrível.
    Gostei da sua resposta.
    Um abraço e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  6. Parei a olhar a tua imagem, Afrodite e mexeu comigo.
    Tu sabes, Afrodite, que na minha família tive 4 casos de morte de cancro.
    Faço os meus exames todos os anos, mas sabes que hoje estamos bem e um mês ou seis, sei lá, somos confrontados com esta terrível doença.
    Mas nada como prevenir.
    Por vezes, acho que esta doença jamais nos deixará e por mais investigações que se façam, porque, na minha opinião, e vale o que vale, o ambiente em que vivemos também é causador. O homem é egoísta. Vemos casos catastróficos ambientais que tem os seus reflexos no homem.
    Somos aquilo que fazemos e comemos.
    Em relação ao post, estou inscrita na Liga Portuguesa Contra o Cancro, sempre que vou à Liga, ao Porto, deixo a minha substancial contribuição, participo, em Braga, nas caminhadas, compro objectos que ponham à venda.
    E, há dois anos, fiz de tudo para ajudar a Liga,quando uma jovem portuguesa que vive no Brasil veio cá, e entreguei-lhe os meus lenços da solidariedade... porque há sempre uma esperança.
    Enquanto ela existe, temos de dar qualidade de vida, apoio, carinho, aos nossos amigos e familiares que sofrem desta doença.
    O sofrimento dói a quem tem a doença e a quem os apoia.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  7. Um laço que me acompanha no dia a dia, é impossível ser indiferente à maldita doença que levou as pessoas que mais amava, o meu pai com 65 anos, a minha irmã com 38, a minha sobrinha com 34 e o meu marido com 43 e amigos muito próximos, a lutar contra ela continua o meu genro com 47 anos.

    Bom fim de semana Amiga e um beijinho.


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Flor de Jasmim, Um grande Laço para ti e que corra tudo pelo melhor para o teu genro e toda a familia.
      bjs

      Eliminar
  8. Se a luta se resolvesse com laços... mas infelizmente, não!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  9. A "data" passou-me completamente ao lado, Querida Amiga, mas o "Motivo", esse está sempre presente ! :(
    Creio que sabes as "minhas estórias" (aquelas a que estive ligado pessoal, familiarmente e através de Amigos). Felizmente sempre me senti um felizardo, cheio de sorte, porque todos aqueles casos que mais de perto me mantiveram ligado ao assunto acabaram por ter um final feliz ! ... E sabes ? ... Apesar de todos os males, passei a ver "as coisas" com outros olhos !... Com mais esperança e menos dramatismo ! Há que ter esperança ! Há que encarar a vida com positivismo !
    Poderá parecer insensibilidade, mas não ! Como seria possível ? ...Talvez seja até o inverso ! Habituei-me a ver "as coisas" sempre com esperança e sentimento positivo ! ... Hoje as curas são em muito maior percentagem e há que encarar firmemente essa possibilidade !!!
    Como sabes, "essas coisas" contribuíram para mudar a minha maneira de ver o mundo !

    Seja como for, é preciso estar alerta e lembrar sempre os cuidados de prevenção a ter, como o estás a fazer ! ... e sem dramatismos, que esses são sim, o maior mal !

    Um abraço cheio de positivismo, confiança e alegria de viver ! :)

    ResponderEliminar
  10. Não usei nada dessas marcas. Sinalizar este dia é vivê-lo todos os dias!

    ResponderEliminar
  11. Não me apercebi da data. Já da doença, não há quem não se aperceba dela porque duvido que haja alguém a quem não tenha tocado por via de amigos ou familiares, quando não da própria pessoa.

    Bjs.

    ResponderEliminar
  12. Amiga, passei aqui para te dar um beijinho :)

    ResponderEliminar
  13. Não é nada erótico e só por ser para ti, o link é este:
    http://dona-redonda.blogspot.pt/2015/03/post-4369-12-tentativa-de-escrever-um.html
    um beijinho e boa-noite
    Gábi

    ResponderEliminar