segunda-feira, 16 de março de 2015

AMANTES ETERNOS...

(post reeditado)  
(original)  

Trabalho de Lauri Blank




a ouvir... 
Thomas Newman - «That Next Place»

24 comentários:

  1. :) os amantes inflamam um céu cinzento; são lábios cheios de vida. São sempre um brado de luz...

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. José Carlos

      Verdade!
      A união de dois corpos vai muito para além do ímpeto natural da preservação das espécies... é vida dentro da vida, é cor, é luz, é sede...


      Um abraço
      (^^)

      Eliminar
  2. A eternidade é uma paragem do tempo
    (acontece-me a cada momento)

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Rogério

      Engano meu amigo... o tempo não pára!
      Mas sabe sempre bem enganarmo-nos um bocadinho! :))

      A própria definição de MOMENTO é muito difícil.


      Beijinho parado no tempo
      (^^)

      Eliminar
  3. Amantes eternos ?!,... algo semelhante ao movimento perpétuo.

    Felicidades

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. DE-PROPÓSITO

      Essa foi "na mouche"... :)

      Obrigada, felicidades para ti também.
      Um abraço

      Eliminar
  4. Olá Afrodite !
    Anteriormente eu já tinha escrito e reafirmo :
    "Tens muito talento para a poesia, Afrodite ! ... e já não sou só eu o "exagerado" ! eheheh"
    Disseste em tempos que eu era "exagerado" ao dizê-lo, por mais que uma vez ! .... mas já outros o têm afirmado também !!!

    Palavras tuas :
    "Sedutora... viciante... necessária... eterna... " - (a tua escrita poética, para ti).
    "todos os dias o venho saborear um bocadinho? :)" - Eu li-o e reli-o, voltei a ler e voltarei !!!
    "eu apenas brinco com as palavras... mas dá-me um prazer sublime fazê-lo!"
    ... então porque não, insistires e reunires todos os teus trabalhos ?! ...

    Tu consegues transmitir o que todos realmente sentimos, o que é mais que natural e humano, mas não temos o talento para o passar para o papel, como tu ! ... e manuscrito, ...porque não ?... Parece ter ainda mais valor ! :))

    Beijo ... incentivador ! :))

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Rui

      Tu és o máximo! :)
      Quase me fazes acreditar que aqueles sarrabiscos têm algum valor! Quer dizer, para mim têm valor, e muito... porque são bocados de mim.
      Quanto ao reunir todos os meus trabalhos... essa é fácil: basta clicares na etiqueta COISAS MINHAS... e já os tens compilados. Não estão todos mas quase todos, pois houve alguns que entretanto reconsiderei e guardei só para mim.

      Obrigada pela força!
      Beijinhos
      (^^)

      Eliminar
  5. Deusamiga

    Discordo do Ruiamigo: o que acontece é que tu escreves muitíssimo bem, seja em prosa, seja em poesia. E além disso conjugas o verbo amar coma a gravura ambos belíssimos. É para mim (nós) um prazer passar por aqui e aprender muito contigo. O meu muito obrigado em concanim...

    Qjs picantes tal como a foto e a poesia

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Obrigada Henrique... fico feliz em ler o que me escreves.
      O calor do Oriente só te faz bem... e espero que já estejas a recuperar do problema com a tua perna.


      Beijinhos ao pé coxinho
      (^^)

      Eliminar
  6. Gostei imenso desta poesia escrita à mão. É assim que elas se fazem, certo? Poemas rabiscam-se antes de se teclarem. E esta é intensa e fluida :) Gosto particularmente dos 2 versos finais a rematar.
    Obrigada pela partilha.

    Beijo ondulado

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Pusinko

      Maior parte das vezes, quando estou em processo criativo, rabisco tudo à mão... e depois é que passo tudo a limpo. Mas nem sempre... há momentos raros em que sai tudo à primeira enquanto teclo e nem rascunho faço.


      Obrigada minha flor... sabes bem que as tuas palavras são beijos para mim.
      Beijos e abraços, nossos, bem apertadinhos
      (^^)

      Eliminar
  7. Alma
    Fremente
    Rutilante
    Oásis
    Deusa
    Intensa
    Tu
    Embriagante

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Rui! :)

      Eliminar

    2. Maria

      A nossa paixão comum pelos acrósticos é mais um elo entre nós, como tantos e tantos outros que temos.
      Obrigada... És liiiiindaaaa!


      Beijos embriagados na nossa amizade
      (^^)

      Eliminar
  8. E escrito à mão com letra bonita.
    Beleza em tudo, diria eu.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Pedro

      Dizem que a nossa caligrafia diz coisas sobre nós. Nunca acreditei muito nisso... mas de qualquer maneira espero que não diga nada de mau! hehehe


      Obrigada pelo carinho
      Beijinhos dactilografados
      (^^)

      Eliminar
  9. Afrodite,

    também quero !!!! :))))

    ser poeta, claro...

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Angela

      Minha amiga... ser poeta é ser mais alto! Quem me dera também! :)


      Beijinhos de cá do alto, do Norte, pois claro!
      (^^)

      Eliminar
  10. Versejar é um dom que não é para todos e tu faze-lo lindamente, com intensidade, emoção e muita sensibilidade.
    Adorei!

    Beijos da Manu

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Manu

      Adoro acrósticos e adoro rimas... mas é raro conseguir juntar os dois. Gosto também de experimentar formas diferentes de rimar, métricas diferentes... mas na verdade isto não é mais do que brincar com as palavras.


      Obrigada minha querida,as tuas palavras sabem-me a "pão da alma" e não quero comer mais nada!
      Beijos enfarinhados
      (^^)

      Eliminar
  11. A tua POESIA aqueceu a minha alma, DEUSA DO AMOR.

    Recordei o meu amante eterno, que me abandonou tão cedo.

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Teresa

      A vida é tantas vezes dura e injusta!
      Mas o teu comentário veio provar-me que há amores eternos...e abraço-te por isso!


      Abraço longo e apertadinho minha Querida
      (^^)

      Eliminar