quarta-feira, 27 de agosto de 2014

A INTIMIDADE...



Foto de Torsten Brandt


... de duas ALMAS e de dois CORPOS que se tocam é irrepetível, é algo único... como uma assinatura ou uma tatuagem, uma marca digital que apenas pertence a esses dois amantes.


a ouvir... 

28 comentários:

  1. Momentos únicos, sem dúvida!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Elisa

      Assim como cada ser humano é único, também cada casal vive experiências singulares.


      Beijinhos com assinatura
      (^^)

      Eliminar
  2. E eu a julgar
    que a intimidade era coisa de partilha do juízo
    da cumplicidade do pensar
    e que o amor
    se torna privado só por pudor

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Rogério

      Intimidade é partilha
      Não só do corpo como da alma
      Tinta negra, tatuagem
      Irrepetível, incansável
      Mãe, companheira, filha
      Inscrita na mão
      Do lado da palma
      Assinatura inimitável
      Dois amantes, uma só linguagem
      Envolvida nos acordes de uma canção.


      Beijinhos sem pudor
      (^^)

      Eliminar
  3. A intimidade pode até estar num olhar...em público!
    Está para além da pele!

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Rosa

      Concordo... pois tanto ainda há a dizer sobre este tema!
      Por isso são tão preciosos os comentários que vêm completar e complementar o pensamento original.


      Um beijinho e obrigada
      (^^)

      Eliminar
  4. A intimidade pode estar numa palavra ou num gesto. Pode ser dita apenas com um olhar. É vivida de forma única entre cada pessoa :)
    Beijos :))

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Imprópria

      Exactamente, tal como uma assinatura digital.

      Beijinhos em Ti
      (^^)

      Eliminar
  5. Da aldeia da Luz só tenho essas duas. Estive lá num dia escaldante e com a minha filha que não tem paciência para fotografias e odeia calor!!!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Elisa

      São "só duas" mas são muito bonitas.

      Obrigada minha querida
      (^^)

      Eliminar
  6. Sim.

    Beijinhos Marianos, Afrodite! :)

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Maria

      Aos teus beijos (e abraços) também digo sempre que SIM!!
      Envio-te outros tantos na "volta do correio"
      (^^)

      Eliminar
  7. ~ ~ É maravilhoso, quando celebrado não só na maior intimidade e cumplicidade, mas também, com muita ternura, amor e paixão.

    ~ ~ ~ ~ Beijinhos cúmplices. ~ ~ ~ ~

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Majo

      Verdade sim :)
      Lindo o que escreveste!!

      Espero que estejas recuperada.
      Muitos beijinhos de melhoras
      (^^)

      Eliminar
  8. Boa tarde,
    com tatuagens ou sem ela, consegue-se a felicidade quando somos nós próprios na intimidade.
    AG
    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. António

      Frase tão verdadeira e madura! Concordo a 100% contigo!


      Beijinhos felizes
      (^^)

      Eliminar
  9. Deusamiga

    Uma belíssima fotografia e um texto que é magnífico, curto, mas muito expressivo. Sabes destas coisas do Amor - e dos amantes - quase como ninguém. Não agrides nem ofendes quem vem aqui ao Jardim, o que significa que a beleza é igual (ou, pelo menos, devia ser) em toda a parte.

    Muito obrigado

    Qjs







    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Henrique

      Este foi o comentário mais sensível que alguma vez já me deixaste aqui nos Jardins.
      Obrigada eu, gostei muito.


      Beijinhos para ti também
      (^^)

      Eliminar
  10. Concordo que a intimidade entre duas pessoas que se amam de Corpo e Alma, é algo único, maravilhoso, indevassável... mas não, irrepetível...!!!

    Ir uma vez a Cascais e nunca mais?

    Penso que não devas estar a falar de fazer amor de ocasião, pois não?

    Abraço, Afrodite.

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Janita

      Nunca ouviste a expressão «não há dois amores iguais»?
      É nesse sentido que utilizo a expressão "irrepetível"... no sentido de "único" pois a intimidade e a química que há entre duas pessoas é algo singular!
      E não, não estou a falar de fazer amor de ocasião, pois se fosse de ocasião provavelmente não seria amor mas apenas sexo.


      Beijinhos bisados
      (^^)

      Eliminar
    2. Claro que já ouvi essa expressão, Afrodite e não concordo com ela neste contexto. Pelo menos no sentido que lhe atribuo.

      Provavelmente, tu referes-te a 'irrepetível' no sentido dessa intimidade acontecer com outra pessoa. Eu, refiro-me à repetição com a mesma pessoa....

      Pois então, se não te referes a amor de ocasião, deverias ter esclarecido isso na 'Etiqueta' onde escreveste 'Sexo' e não Amor.

      Para mim, não faz qualquer sentido isso de fazer sexo sem amor.

      Repito, entre duas pessoas que se amam de Corpo e Alma- como dizes - nada é 'IRREPETÍVEL'...a sensação de amar e ser-se amado, nessa união de completa intimidade, repete-se infinitamente....

      Abraços.

      ( Bisas os beijos de amizade e achas irrepetíveis os actos de intimidade entre duas pessoas que se amam? :) )

      Eliminar

    3. :)
      Olha minha Querida, não vou esmiuçar mais o que aqui está escrito. Somos todos diferentes e por isso cada pessoa vive, sente, percepciona as coisas à sua maneira.

      Vou é aproveitar a história do "bis" para te contar o que me recordo de uma anedota antiga que o meu falecido irmão contava com imensa piada, era eu ainda catraia:
      «Um casal da província (a Maria e o Manel) foi a Lisboa com o intuito de jantarem na capital e depois irem ao teatro. No restaurante, e como nenhum dos dois sabia ler, ao pedirem ao empregado o que queriam jantar limitaram-se a dizer que queriam comer o que os senhores da mesa ao lado tinham pedido.
      Uns minutos mais tarde os vizinhos foram servidos, assim como eles, e para ambos o empregado trouxe uma farta feijoada! Entreolharam-se mas começaram a comer... desconsolados... pois feijão eram aquilo que comiam com fartura lá em casa!
      Entretanto, na mesa do lado oposto, uns senhores estavam a comer um assado de carne com um excelente aspecto e , quando terminaram, chamaram o empregado e pediram: "BIS"...
      E o garçon lá lhes trouxe outra travessa daquela iguaria que parecia deliciosa. Claro que depois de assistirem ao sucedido resolveram pedir daquilo também... e, chamando o garçon, lá disseram também: "BIS"!
      Claro que quando a comida veio, era mais feijoada que lhes estava reservada!! :))
      Aborrecidos por o jantar lhes ter corrido mal, pagaram, saíram e foram ver a peça de teatro que tanto ansiavam. No final, na hora dos aplausos, toda a plateia se levanta a gritar: "BIS"... "BIS"... e então a Maria diz aflita ao marido: "Vamos embora Manel que vem aí mais feijoada!!" »

      :)))

      Beijinhos com humor
      (^^)

      Eliminar
  11. A química entre os corpos é irrepetível. E inimitável
    Beijinhos irrepetíveis

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Carlos

      Haja quem me entenda!
      Obrigada!


      Beijinhos sem imitações
      (^^)

      Eliminar
  12. A alquimia dos corpos, Afrodite.
    Quando as palavras são desnecessárias.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Pedro

      Óó... e que bem que tu te expressaste com tão poucas palavras!
      A frase "a alquimia dos corpos" é deliciosa!


      Beijinhos sem pedra filosofal
      (^^)

      Eliminar
  13. Andas 'causando' Afrodite, rs
    É sempre muito bom aprender com os amigos sobre 'intimidades' rs
    Penso que ela é o ingrediente que não pode faltar num relacionamento seja de amor ou amizade.
    A frase diz bem de uma intimidade entre casal e o que queremos sempre é 'repetir repetir repetir' e que a cada vez seja diferente e melhor.
    beijinhos repetidos Afrodite

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Lis

      De vez em quando é preciso "agitar as águas"!
      Se prepara... hehehe


      Beijinhos sempre bons
      (^^)

      Eliminar